Sobre passagem aérea para o Tahiti

Curitiba, 17 de Julho de 2016. Chegar ao Tahiti não é a mais fácil das tarefas. Ind...




Curitiba, 17 de Julho de 2016.

Chegar ao Tahiti não é a mais fácil das tarefas.

Indo via Chile,  com a LATAM,  o voo é semanal: sai às segundas de São Paulo, com retorno às terças (hoje o voo parte às 2h40 da madrugada). Ou você fica 7 ou 14 noites lá. E assim sucessivamente.

Esse é o caminho mais curto e rápido. São 15 horas de voo, divididas em 2 paradas: 5 horas entre São Paulo e Santiago do Chile, mais 5 horas até Ilha de Páscoa, onde o avião permanece em solo por uma hora para abastecimento e troca de tripulação, e mais 5 horas até Papeete. Ufa!

O trecho GRU_SCL_PPT, com escala na Ilha de Páscoa, custa, aproximadamente, R$ 4.200,00 por pessoa, em classe econômica, e R$ 10.500,00 em executiva (dados de 2016). Não é barato!

A milhagem requerida é de 60 mil pontos na econômica (120 mil ida e volta) e 110 mil na executiva (220 mil ida e volta) com a LATAM. Boa sorte a quem tentar pois é quase impossível conseguir emitir.

É possível ir ao Tahiti - aí sim saindo qualquer dia - de Los Angeles, com a Air Tahiti Nui ou com a Air France.

Quando há promoções, fica até mais em conta do que pelo Chile, mas é bem mais longe e precisa de visto.

A milhagem costuma ser menor com a American Airlines (voando em codeshare com a Air Tahiti Nui) mas também é bem difícil de conseguir.

Sugiro a quem for via USA que fique, na volta, em Los Angeles, pois voltar ao Brasil direto não é moleza, a não ser que se voe em executiva (mas os preços são bem salgados nessa categoria para a Polinésia Francesa, via USA, sendo mais caro até do que via Chile).

O TAHITIEHAQUI existe há seis anos e, ao longo deste tempo, só vi uma promoção bem legal pela Delta (em codeshare com a Air France) e um bug do site da American Airlines com passagens a preço de banana para lá. Ou seja, se você realmente quer ir, garanta sua passagem, em especial via Chile.

O fato de o voo ser semanal complica a disponibilidade. Já tive que adiar meus planos porque, no intervalo de uma semana - dois meses antes da data da viagem - o voo lotou.

Então, meu amigos, adquirir o aéreo é meio caminho voado! 





COMPARTILHE

TAGS:

sobre a autora

Posts Relacionados

0 comentários