Alexandre e Louise - Lua de Mel no Tahiti - junho de 2013

   Ale e Lou,     Cada novo relato enche meu coração de alegria e de saudades do paraíso (tá bom, eu sei que acabei de voltar, mas a ge...

   Ale e Lou, 

   Cada novo relato enche meu coração de alegria e de saudades do paraíso (tá bom, eu sei que acabei de voltar, mas a gente sempre quer ficar um pouquinho mais, não é?!? hehe).

   Percebi que vocês realmente aproveitaram os dias por lá. Muito bom! E concordo que descer em Bora Bora nos deixe sem palavras!

   Meus votos sinceros de felicidades. Que a vida de vocês seja repleta de muito amor!

   Infelizmente não conseguir baixar a foto que me enviaram, por isso escolhi outra.

   Beijos, 

   Andressa


Olá Andressa!

Primeiramente, gostaria de agradecer a sua atenção, boa vontade e por todas as dicas que foram fundamentais para que esse sonho se realizasse. Gostaria de deixar o relato do nosso casamento no paraíso: Embarcamos para o Tahiti em 24 de junho, e por coincidência, viajamos junto com a seleção de futebol do Tahiti, que acabava de disputar a copa das confederações. Tiramos muitas fotos e conversamos com vários jogadores, todos simpáticos e atenciosos.

Nós ficamos 1 noite (obrigatória) em Papeete no Intercontinental. Apesar de somente passar a noite e aproveitar o café da manhã, achei o hotel lindo e sensacional.

Em Moorea ficamos por 2 noites, também no hotel Intercontinental, que tem uma estrutura muito boa. Moorea é muito linda, com a sua natureza exuberante. Optamos por aproveitar toda a comodidade e relaxar no hotel, fizemos apenas um passeio rápido pela ilha. Na segunda noite apreciamos um show típico realizado no hotel , juntamente com um delicioso “barbecue” servido na beira da praia.

Então finalmente chegamos ao nosso destino final : Bora Bora. A chegada em Bora Bora é muito emocionante, posso dizer que fiquei totalmente extasiado e sem palavras para descrever esse lugar. Bora Bora é linda nas fotos, mas ao vivo e a cores é muito mais do que eu esperava, o azul do mar, a imponência do monte Otemanu, simplesmente fantástico. Ficamos hospedados por 4 noites no Thalasso, e o hotel é perfeito, não dá vontade de sair de lá. Os bangalôs são maravilhosos, uma experiência inesquecível, quando chegamos ficamos loucos, não sabíamos o que fazer primeiro, se íamos para a praia do hotel, ou se ficávamos no bangalô. O hotel tem um happy hour muito legal todos os dias, eles ficam tocando na beira da praia, e o legal é que dá para ficar curtindo o som da varanda do bangalô. Fizemos o passeio de lancha privativo pela ilha, apenas nós 2 e mais o nosso guia. Foi demais, passeamos por toda a lagoa, nadamos com arraias e tubarões, mergulhamos com peixes multicoloridos, caminhamos pela ilha e o final foi em grande estilo : paramos em um motu particular, onde nosso guia montou uma mesa dentro da água e preparou um churrasco para nós dois, tudo perfeito.

E chegou o grande dia: o dia do casamento. A cerimônia foi realizada na beira da praia do próprio hotel. Eu fui levado de carrinho até o local da cerimônia, onde fiquei esperando pela Louise, que chegou de canoa. Havia músicos e dançarinas cantando e dançando canções típicas tahitianas. A cerimônia foi realizada em tahitiano e inglês e foi tudo muito emocionante e inesquecível. Após o casamento, fomos de canoa até o bungalow, que estava todo decorado, tinha até champagne e bolo de casamento nos esperando. Ainda tinha o jantar, que foi realizado em outra praia particular do hotel, a comida deliciosa, e o atendimento vip, sem falar na decoração do local, com tochas e velas, que estava lindíssima.

Na manhã seguinte, o nosso café da manhã chegou de canoa, e tomamos café na varanda do bungalow, apreciando aquela vista maravilhosa. Só tenho elogios a fazer para o pessoal do Thalasso, são todos super atenciosos, simpáticos e sempre prontos para te ajudar. Graças ao cartão Ambassador (outra dica da Andressa) tivemos água e frutas no bungalow todos os dias, sem contar o mais importante : late check out, já que no dia de ir embora, aproveitamos o hotel até as 17hs, pegando o último vôo para Papeete.

No retorno, ficamos 1 noite em Santiago no Hollyday Inn, que fica em frente ao aeroporto, e essa parada foi bem importante para reajustar o fuso e descansar um pouco.


Posso dizer que foi uma experiência fantástica e inesquecível, sem dúvida é o melhor e mais romântico lugar do mundo para se casar. Toda aquela beleza, natureza e paz de Bora Bora fez com que eu refletisse muito sobre a vida, e acho que consegui trazer na minha bagagem um pouco da alegria e da magia da Polinésia Francesa.

Alexandre e Louise

COMPARTILHE

TAGS:

sobre a autora

Posts Relacionados

5 comentários

  1. Adorei Andressa!!
    Já sei que vc será minha consultora oficial quando chegar minha vez. Só de imaginar o mar azul... hum, inspirador! :o)


    Bjoss
    http://manudooutroladodomundo.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Manu,

      Obaaaa, vou adorar!

      Voltei há poucos dias de lá e, loguinho, vou escrever sobre o cruzeiro que fiz.

      Beijos,
      Andressa

      Excluir
  2. Andressa, desculpa a insistência. Sei que você acabou de voltar e deve estar super corrida, mas adoraria receber as suas dicas.

    jessicaacoelho@hotmail.com

    Obrigada,
    Jessica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jessica, tudo bem?

      Sim, todo retorno é uma correria...Mas faz parte, não é?!

      Sei que você já está com quase tudo pronto. O que gostaria de saber? Sobre passeios e alimentação?

      Se importa de me enviar um e-mail? tahitiehaqui@gmail.com

      Beijos,
      Andressa

      Excluir
  3. Oi Andressa. Meu marido e eu iremos ao Tahiti na próxima segunda-feira e lamentamos não ter conhecido seu blog antes. Fechamos nosso pacote por uma agência brasileira e estamos com várias dúvidas rs..
    Mas vamos tentar focar apenas em uma coisa, os passeios!
    Nosso roteiro será Papeete + 4 noites em Moorea + 4 noites em Bora Bora + 4 em Rangiroa. Vc indica alguma operadora para fecharmos os passeios? Meu marido e eu somos mergulhadores, faremos mergulho em todas as ilhas, exceto Papeete. Será que o Lagoon Tour é besteira para a gente? E em Rangiroa, não há nada além dos mergulhos e curtir o resort, certo?
    Muito obrigada. Deia e Joey

    ResponderExcluir